Delegação Sul

DELEGAÇÃO SUL

Delegação Sul, abrange os Distritos de Évora, Beja e Faro.

Sede em Loulé, situada no mesmo Edifício da Casa IPA Algarve.
Esta permite alojar cerca de 25 pessoas, distribuídos por 7 quartos, (1 de 3 camas individuais e 6 duplos) destinados a associados IPA e seus familiares, sendo que anualmente recebemos muitos visitantes nacionais e estrangeiros.

Distrito de Faro

Algarve com a sua capital na cidade de Faro, constitui-se pela região mais a sul de Portugal e é reconhecido como um espaço com óptimas condições atmosféricas, com boas praias, espaços de lazer muito diversificados e também como contendo bonitas zonas verdes, serras e um fundo marítimo encantador.

Tem como principais localidades, Albufeira, Loulé, Lagos, Faro, Portimão, Tavira, Olhão e Vila Real de Sto. Antonio e as melhores praias da região como a Meia Praia, Praia Dona Ana, Praia da Rocha ou a Praia de Santa Eulália, Vale do Lobo, Quinta do Lago, Falecia, Monte gordo, Praia Verde; Manta Rota, Cabanas, Ilha de Tavira, Ilha do Farol, Culatra, entre outras e ainda pratique diferentes desportos na famosa Serra do Caldeirão.

No Algarve poderá ainda encontrar diferentes parques aquáticos que poderão garantir a sua máxima diversão como o Aquashow, o Slide&Splash e ainda o divertido Zoomarine.

Loulé – Sol, Mar e Serra

Cidade onde se localiza a Sede da Delegação Sul IPA e Casa IPA Algarve

Situada numa região de montes ondulantes que se estende entre as aldeias pitorescas da Serra do Caldeirão e o esplêndido litoral algarvio, Loulé é uma movimentada cidade comercial que contrasta com a descontraída atmosfera balnear das estâncias costeiras. O litoral de Loulé é conhecido por “Triângulo Dourado”, uma zona que inclui os luxuosos resorts de Vale do Lobo, da Quinta do Lago e de Vilamoura, onde as praias douradas, hotéis elegantes, campos de golfe de renome, a marina, o casino e as infindáveis opções de lazer e entretenimento fazem deste um dos melhores destinos de férias da Europa.

Locais de interesse turístico em Loulé

– Mercado Municipal de Loulé; Marina de Vilamoura; Mar Shopping Algarve; Igreja de São Lourenço de Almancil; Algarve FootGolf; Fonte da Benémola; Designer Outlet Algarve; Ermida da Nossa Senhora da Conceição; Castelo de Loulé; Vale do Lobo Tennis Academy; Marco Baioa Daily e Residential Fitness Boot Camps (Clinicas e Complexos Desportivos); Algarve Tennis and Fitness Club (Complexos desportivos)

Eventos em Loulé

Carnaval de Loulé; Festa da Mãe Soberana; Rally de Portugal – Campeonato do Mundo; Marchas Populares; Festival MED; Salir do Tempo; Festival Internacional de Jazz; Noite Branca

Gastronomia no Algarve

Quando se pensa em gastronomia do Algarve é o peixe que nos vem à cabeça. São 200 km de costa que nos colocam à mesa espécies tão variadas como a sardinha, o atum, o lingueirão, as amêijoas ou as ostras. Estes ingredientes, apesar de serem vistos em todo o Algarve, marcam a gastronomia do litoral.

Assim que rumamos ao interior, primeiro para o barrocal e depois para a serra, começam a ganhar destaque as carnes – porco e aves – e os enchidos. Também não podemos deixar de falar das figueiras, das amendoeiras e das alfarrobeiras cujos frutos dão origem ao melhor da doçaria do Algarve.

– Cataplana Algarvia

– Estupeta de atum, carapaus alimados, das amêijoas na cataplana ou do arroz de lingueirão. Este último sugerimos que o prove na Manta Rota, no Restaurante A Proa

– Xerém (ou xarém), Se passar por Estômbar, pare no Restaurante O Charneco e desfrute deste prato exclusivamente algarvio.

Para arrumarmos com o peixe, deixe-nos só referir pratos como a canja de amêijoas, as ostras à algarvia (boas e a preços acessíveis no Tapas e Lendas, em Olhão) ou as sardinhas na brasa. Para provar a canjinha vá ao Restaurante Noélia & Jerónimo, em Cabanas de Tavira.

Pratos regionais no Algarve – Interior (barrocal)

Quanto mais nos vamos afastando do mar, maior o número de pratos que tem como base a carne. Nas zonas da serra e do barrocal algarvio ganham destaque o cozido de grão, as favas à algarvia ou a galinha cerejada à Loulé. De realçar ainda os enchidos da região que são dignos de uma feira anual em Monchique, em plena serra.

Doces regionais no Algarve

– Dom Rodrigos. Há ainda os Morgados, os Figos de Amêndoa e Chocolate e os Queijos de Figo. Por falar em figo, cá está outro produto que abunda no Algarve, tanto fresco, como seco. Para experimentar estas delícias todas procure pela Casa de Doces Regionais Taquelim Gonçalves. Fica na Rua da Porta de Portugal, em Lagos. 

Distrito de Évora

Évora é a capital da região centro-sul de Portugal, o Alentejo e cidade Património Mundial pela UNESCO. No centro histórico da cidade encontra-se o antigo Templo romano de Évora (também conhecido por Templo de Diana). Nas proximidades, casas caiadas rodeiam a Sé Catedral de Évora, uma enorme estrutura gótica iniciada no século XII. A Igreja de São Francisco possui arquitectura gótica e barroca, juntamente com a Capela dos Ossos, decorada com ossos. 

Para a visitar, a melhor forma de o fazer é a pé, percorrendo as ruas estreitas, de casas brancas, para se ir descobrindo os monumentos e os pormenores que revelam a história de Évora e a riqueza do seu património

Locais de interesse turístico em Évora

– Centro histórico – Praça do Giraldo; Capela dos ossos; Centro de interpretativo dos Almendres; catedral de Évora (Sé Catedral); Templo Romano de Évora – Templo de Diana; Universidade de Évora; Muralhas de Évora; Igreja Real de São Francisco; Museu Nacional Frei Manuel do Cenáculo; Aqueduto de Agua de Prata; Igreja de São João Evangelista, Igreja de Santo Antão; Igreja da Graça; palácio D. Manuel e Ermida de São Brás

Eventos em Évora

– Feira de São João; Festas Populares da cidade de Évora; Festas de Verão pelas Aldeias e Vilas do distrito de Évora; Festa da Gastronomia Mediterrânea em Évora.

Gastronomia em Évora

A gastronomia alentejana é uma das mais ricas e soberbas de Portugal. As tradicionais sopas de toucinho, sopa de cação, sopas de beldroegas, sopa de tomate, açorda à alentejana ou o gaspacho à alentejana deixam qualquer um deslumbrado com a explosão de sabores. Os fabulosos pratos principais de peixe ou carne desde o ensopado de borrego, cabeça de xara, pézinhos de porco de coentrada, empadas de galinha, perdiz à Montemor, lebre e outros pratos de caça são algumas da muitas iguarias de prometem deixá-lo sem palavras. A mestria dos doces de Évora promete ainda arrasar com qualquer dieta. A encharcada do Convento de Santa Clara, pastéis de toucinho de Arraiolos, trouxas-de-ovos, cernelha de Montemor-o-Novo, bolo de mel, queijinhos do céu de mora, manjar e porquinho de chocolate de Moura, Tibornas, pão de rala, Sericaia, Torreão Real de Évora, bolo rolão, queijadas de Évora, toucinho da Madre Abadessa, filhós enroladas.

Vinhos

Para quem for apreciador, a zona de Évora é perfeita para a degustação de bons vinhos. No Alentejo, existem 8 sub-regiões que produzem vinhos alentejanos. A Região de Turismo de Évora engloba 5 destas sub-regiões vitivinícolas de vinho DOC (Denominação de Origem Controlada). Mesmo perto da cidade, a produção é feita pela premiada Adega da Cartuxa, com os vinhos Pêra Manca, Cartuxa e Monte dos Pinheiros. Na zona centro da cidade existem algumas lojas locais como a “Ervideira” que promovem e apresentam uma selecção fantástica de vinhos que podem inclusivamente levar para casa e partilhar com os amigos e familiares.

Onde Comer

Em Évora são inúmeras as sugestões de restaurantes, cafetarias, pastelarias, casas de chá e locais onde é possível petiscar. Para um almoço descontraído, ou um petisco rápido, poderão encontrar na Praça do Giraldo algumas cafetarias e pastelarias com menus muito baratos e refeições rápidas. Para o jantar sugerimos o “Restaurante Café Alentejo”, cujo ambiente acolhedor, serviço de mesa fantástico e uma qualidade soberba nos pratos será uma excelente escolha. Outros locais de referência são também o “Botequim da Mouraria”, “A Tasquinha do Oliveira” e o “Momentos”.

A distância em linha recta entre Loulé e Évora é 159.67 km, mas a distância de condução é 213 km.

Leva 2 horas 38 mins para ir de Loulé a Évora.

Distrito de Beja

Beja é uma cidade pertencente à região do Alentejo e sub-região do Baixo Alentejo, capital do distrito de Beja e capital do Baixo Alentejo com 24 074 habitantes no seu perímetro urbano, sendo também a sede da Diocese de Beja

Locais de interesse turístico em Beja

– Castelo de Beja; Museu regional de Beja (Museu Rainha D. Leonor); Núcleo Museológico; Cas de Santa Vitória; Igreja de Nossa Senhora dos Prazeres e Museu Episcopal; Ruina Romana de Pisões; Museu Visigótico (Igreja de Santo Amaro); Jardim Gago Coutinho e Sacadura Cabral; Sé Catedral de Beja (Igreja de Santiago); Museu Jorge Vieira (Casa das Artes); Porta de Évora (Arco Romano de Beja) e Pelourinho de Beja.

Eventos em Beja

-Ovibeja; Beja Romana; Festival Internacional de banda Desenhada; Festival B; Palavras Andarilhas; Patrimónios do Sul (Vinipax/Olivipax/BejaGourmet/BejaBrava/BejaKids) e Festa de Fim de Ano

 Gastronomia em Beja

O que não falta neste Distrito é a gastronomia, de influência mediterrânica. É daqui que saem alguns dos mais finos produtos derivados da oliveira, especialidade da cidade, assim como a produção de trigo.

Tanto as ruas estreitas da parte velha como as que compõem o novo traçado guardam delícias da gastronomia que já ultrapassaram as fronteiras do distrito. Pratos típicos como as Migas com Entrecosto, o Ensopado à Pastora, a Sopa de Beldroegas ou as Favas Guisadas.

Nas sobremesas, a doçaria conventual deste Distrito é das mais ricas de Portugal. Temos as Maltesinhas, as Queijadas, o Toucinho-do-céu, os Pastéis de toucinho, as Trouxas-de-ovos e não se fica por aqui.

Beja produz ainda especialidades como o Presunto de BarrancosMel de Alentejo, o Paio de BejaChouriço de Carne do Baixo AlentejoQueijo de SerpaCarne de Porco AlentejanoLinguiça e o Borrego do Baixo Alentejo, sucessos absolutos de eventos como Ovibeja, uma feira da produção agrícola regional que acontece todos os anos e que é uma óptima oportunidade para provar todas essas e outras delícias gastronómicas locais.

Onde Comer

No Alentejo come-se muito bem. No Baixo Alentejo, ainda melhor. Entre Beja e Castro verde, com paragem pelo caminho em Serpa, Mértola, Almodôvar e Ourique

-Restaurante “Luiz da Rocha” – Beja

-Cervejaria Pulo do Lobo – Beja

-Restaurante “O Toi Faróis” – Aldeia de Porto de Peles

-Restaurante Espelho d’Água – Beja

-Adega Típica 25 de Abril – Beja

-Restaurante Dom Dinis – Beja

-Restaurante “O Alentejo” Moreanes – Mértola

 A distância em linha recta entre Beja e Loulé (Faro) é 98.54 km, mas a distância de condução é 134 km.

Leva 1 hora 36 mins para ir de Beja a Loulé.

 Servo per Amikeco

Fernando Palma

Presidente Delegação Sul IPA

Facebook – https://www.facebook.com/ipaportugaldelegacaosul

Mensagem do presidente

Caro (a) associado (a) e amigo (a) IPA

As associações, nascem, crescem, subsistem, desenvolvem- se, progridem, extinguem-se, enfim são/fazem história.

O movimento associativo em cada associação varia de acordo com o que se pretende executar, dada a natureza de cada uma e de acordo com a visão e objetivos dos seus responsáveis.

A Delegação Sul IPA, como parte integrante da Secção Portuguesa IPA, também tem a sua história.

Os anteriores responsáveis pela Delegação Sul IPA, assim como os atuais, tinham e tem as suas dinâmicas próprias e as suas estratégias sempre em prol do melhor para a Delegação/Associação e seus associados.

Convictos que o lema: cumprir, valorizar e inovar é o caminho a trilhar para fortalecer a Delegação Sul IPA e a IPA no seu todo.

Os Órgãos Sociais/Regionais da Delegação Sul IPA, que tomaram posse em 18 de Janeiro de 2019, continuam empenhados em contribuir com o seu dinamismo, experiencia e determinação para um novo rumo desta Delegação Sul IPA, sempre em prol da amizade e camaradagem.

Desde o início, assumo juntamente com toda a equipa eleita, uma postura de amizade e respeito por todos os compromissos assumidos (a eleição por si só significa assunção de compromissos) perante todos vós, sempre na defesa firme dos interesses da Delegação Sul IPA – Secção Portuguesa IPA, e que permita dar novas dinâmicas à própria Delegação Sul IPA e consequentemente à Secção Portuguesa IPA e seus associados.

Grato pela vossa participação e confiança depositada nesta equipa.

Pretendemos ir de encontro a todas as necessidades e anseios dos associados IPA e mais diretamente dos associados da Delegação Sul IPA, servindo sempre e todos com amizade e indiferenciação, sejam nacionais ou estrangeiros.

Nomeadamente através da resposta dada:

1 – Aos anseios dos associados. Os associados merecem mais e melhor! 2 – Na melhoria da informação a divulgar aos associados.

3- Na proximidade junto dos associados. Receber bem, para ser bem recebido.

A Delegação Sul IPA, merece diferente e anseia melhor! É necessário, agir diferente e executar melhor.

É preciso:

  1. Reforçar o movimento associativo;
  2. Reforçar o contacto informal e formal, junto dos nossos associados;
  3. Chegar aos associados onde se encontram e não aguardar que venham ter connosco.
  4. Criar laços junto da Sociedade Civil.

Só assim conseguiremos dar continuidade ao trabalho desenvolvido pela família IPA até aqui e continuar a seguir o caminho do Fundador – Sr. Arthur Troop.

Consciente que o desafio é enorme, mas não é por certo, maior do que a nossa vontade!”

P.S.:

Caso pretendam alterar o contacto de recepção de correspondência via e-mail, ou correio, que não recebem (alguns ainda desconhecidos) mas que tiveram conhecimento através de outros associados, solicita-se o envio por esta via (mail oficial da Delegação Sul: delegacaosul@ipa-portugal.pt ) ou via CTT, dos respectivo contacto, acompanhada da respectiva indicação de identificação do associado titular, para o efeito.

Tudo faremos para que estejamos mais próximos dos associados.

Servo Per Amikeco

Loulé, 15 de Fevereiro de 2022

Fernando M.D.R. Palma

Presidente da Direção Delegação Sul IPA

Contactos

Telefone

(+351 962 029 629

E-Mail

delegacaosul@ipa-portugal.pt

Morada

Largo Professora Cabrita da Silva, nº 8

8100-000 Loulé – Portugal

Localização

ASSEMBLEIAS GERAIS

informAÇÃO LOCAL

EVENTOS LOCAIS

Nenhum evento encontrado!

EVENTOS já realizados

Nenhum evento encontrado!
Carregar Mais

PROTOCOLOS

Os benefícios dos protocolos só são aplicados com apresentação, pelo titular, do cartão de associado IPA válido e extensíveis a cônjuge ou pessoa a viver em união de fato e filhos.

Para mais informações: (+351) 217 157 206 ou geral@ipa-portugal.pt

Scroll to Top